let it fall, let it fall.

já comecei e rascunhei esse post umas várias vezes porque eu queria mesmo que ele fosse à altura dela, apesar dela ser uma pequenina, então num vale, tá vendo, começo e recomeço, então agora está indo assim mesmo, como deve ser: na lata.

a grazi escreve o dagroselha e o nalata, e a gente se conhecia pela internet e, em setembro, ela veio passear em nova york. nos encontramos e, como na maioria das vezes, pessoalmente é ainda mais divertido!

não vou contar que a gente foi pra farra, porque teve um dia que a gente ficou até 6 horas da manhã falando sobre o quê, minha gente? sobre lixo.

ela na inteligência dela, e eu nos meus artismos.

temos planos incríveis, ideias revolucionárias, estamos a um passo de mudar o mundo ; )

para vir com a gente, é preciso clicar aqui e ver como ela fala de um jeito muito legal sobre reciclagem e carinho com o planeta, sem parecer que é a sua mãe pedindo para você tirar a toalha molhada de cima da cama, mais uma vez.

foi lá também que vi o trailer do filme Waste Land, do Vik Muniz, que assisti semana passada e voltei do cinema afogada em lágrimas. coisa maravilhosa escandalizadora, mais uma vez orgulho de ser brasileira, apesar de estarmos falando do maior lixão do mundo!

também acho altamente necessário clicar no play aí abaixo para ver um pouco do que esse GENIO fez com sua arte para transformar a realidade dessas pessoas e a de quem assiste o filme, que é impossível não ficar tocado.

beijo, gra! muito obrigada!

e viz muniz, meu filho, vou aí na porta do seu estúdio deixar pra você umas flores de plástico que achei no lixo porque elas não vão morrer nunca, igual isso que cê mudou em mim.

O Brasil nunca esteve tão na moda. Vendo aqui de fora, dá um orgulho danado e uma satisfação quando conto que sou brasileira e recebo de volta um sorriso e a frase “oh, cool!” (é sempre essa, não muda). Chegou o futuro do país do futuro. Já temos até uma presidentA.

O TEDxAmazonia então, deus, tá bonito demais. “Mais de 400 pensadores de diversas áreas do conhecimento reunidos em um dos ecossistemas mais complexos do mundo, que se distribui por nove países da América do Sul e é considerado Patrimônio da Humanidade pela Unesco. Um encontro de interesse global que discutirá por dois dias como as nossas ideias podem melhorar a Qualidade de Vida das mais de 5 milhões de espécies do planeta.”

Algumas palestras estão programadas para serem acompanhadas ao vivo pelo site da http://oiacontece.com.br/tedxam. Enquanto isso, a gente pode ir acompanhado o blog e o twitter, e ainda curtir uns queridos da internet que foram orgulhosamente e merecidamente convidados para participar.  Lindo demais.

Tô acompanhando, gente. Bora, sobe nesse barco. O mundo é nosso.

beijos, brasil, SEU LINDO.